Novidades de Luca

Nos últimos dias tivemos algumas novidades sobre Luca, o 24º longa-metragem da Pixar Animation Studios que estreia no meio deste ano de 2021.

Hoje a revista inglesa Empire, divulgou em seu site uma imagem exclusiva de Luca, mostrando os protagonistas Luca e Alberto em uma praça na cidade de Porto Rosso, onde a história se passa, e publicou um trecho da matéria Luca: a inspiração por trás da aventura mítica do amadurecimento da Pixar.

Na semana passada a revista americana Total Film, publicou uma entrevista com o diretor Enrico Casarosa sobre Luca, apontando o filme como um dos 47 filmes que precisam ser assistidos este ano, na matéria intitulada: Luca – Amizade de Verão.

Enquanto aguardamos o lançamento do primeiro trailer do filme, que deve acontecer nos próximos dias, aproveitamos para traduzir para vocês as duas matérias!

Luca: a inspiração por trás da aventura mítica do amadurecimento da Pixar
por Ben Travis

Mesmo nas suas histórias mais fantásticas, os filmes da Pixar costumam estar enraizados em experiências pessoais, relacionáveis ​​e muito humanas arrancadas diretamente da cabeça e do coração de seus cineastas. Por exemplo DivertidaMente (Inside Out), que Pete Docter tirou da mudança de emoções de sua própria filha, ou Dois Irmãos – Uma Jornada Fantástica (Onward), que usa momentos e memórias específicas da vida do diretor Dan Scanlon antes de envolvê-los em elfos e referências de RPGs de fantasia. O próximo filme do lendário estúdio de animação, Luca, é outra mistura de fato e folclore – o primeiro longa do diretor Enrico Casarosa, que já dirigiu o curta La Luna.

Situado na costa da Itália nos dias deslumbrantes de verão, seu personagem central, Luca, e seu amigo Alberto são, na verdade, criaturas marinhas que parecem humanas em terra firme, mas assumem uma forma mais duvidosa debaixo d’água. Em um riff da Pequena Sereia, a dupla começa a experimentar a vida onde eles caminham, correm e ficam o dia todo ao sol – fazendo amizade com uma garota humana ao longo do caminho. Aqui está um primeiro olhar exclusivo para o mundo do filme, como visto na nova edição da Empire – à venda na quinta-feira, 21 de janeiro, e disponível para pré-encomenda online agora.

Por tudo que se trata de criaturas marinhas mágicas, o coração de Luca remonta à infância de Casarosa. “Nasci em Gênova e meus verões eram passados ​​nas praias”, conta ao Empire. “Conheci meu melhor amigo quando tinha 11 anos. Era muito tímido e encontrei esse garoto encrenqueiro que tinha uma vida completamente diferente.

Eu queria fazer um filme sobre esse tipo de amizade que ajuda você a crescer.” Segundo o diretor, o resultado é um filme da Pixar que homenageia Fellini e outros cineastas clássicos italianos, com um toque de Miyazaki na mistura também.

Parece a explosão cinematográfica de verão que todos estaremos desesperados quando o inverno (do hemisfério norte) finalmente terminar.

Empire – 18 de janeiro de 2021

Luca | Amizade de Verão
por Matt Maytum

Quando o próximo filme da Pixar Animation (Luca) foi anunciado pela primeira vez – uma história de juventude ambientada em um verão italiano – os usuários do Twitter se perguntaram rapidamente se era uma resposta do estúdio de animação ao filme Me Chame Pelo Seu Nome.

“Isso é engraçado”, ri o diretor de Luca, Enrico Casarosa. “Eu adoro Luca [Guadagnino, diretor de Me Chame Pelo Seu Nome]. Ele parece realmente incrível. Você sabe, [a comparação] me pegou um pouco de surpresa, mas a relação é muito a essência do filme, sabe? Claro, esta é uma época muito inocente. No filme retratamos personagens com 12 anos de idade, e não há definitivamente nenhum romance do nosso lado!”

Há também outro elemento-chave que separa Luca da história madura anterior. “É realmente uma história sobre um garoto tímido encontrando um criador de problemas, e eles vivendo essa aventura e crescendo,” explica Casarosa, que dirigiu anteriormente o curta-metragem La Luna.

“Claro, há esse elemento estranho, literalmente parte da história trata desse sentimento de peixe fora d’água…” Sim, o diferencial da Pixar aqui é que ambos os jovens amigos são na verdade monstros marinhos, e se transformam ganhando guelras e escamas quando molhados.

Apesar da premissa estranha, a história é profundamente pessoal para Casarosa, que cresceu na Riviera italiana, e inspirou-se em um amigo de infância ao criar o personagem de Alberto. “Foi definitivamente inspirado pelo meu melhor amigo quando nos conhecemos quando eu tinha 11 anos.”

O lado do monstro marinho da história também é inspirado na história de Casarosa. “Eu lembro de como todas essas pequenas cidades costeiras tinham essas pequenas histórias estranhas. São Jorge e o dragão é um grande ícone, na Ligúria, nos arredores de Gênova. Certamente a iconografia está em todo lugar…”

O estilo fofo e simples do personagens também parecerão familiares para os fãs de La Luna. “Eu adoro essa inspiração 2D ”, explica Casarosa. “Nos perguntamos muito, como podemos trazer texturas feitas à mão? Como trazer algumas texturas de aquarela? Como trazemos pastéis …? “

Após o ano de 2020, Luca pode ser a fuga cinematográfica perfeita. “Eu estou querendo levar as pessoas para a Itália, para o verão de nossa juventude ”, sorri Casarosa.
Pode me passar o sorvete?

Total Film – Edição Janeiro 2021

Luca tem data de lançamento prevista para 17 de junho de 2021 nos EUA e 26 de junho aqui no Brasil. Segundo a última conferência de investidores da Disney, o filme deve ter lançamento híbrido nos cinemas e na plataforma de streaming Disney+, pelo sistema Premier Access (onde é cobrada uma taxa extra para acesso exclusivo). Vamos aguardar o lançamento do trailer nos próximos dias e ver se as datas e o esquema de lançamento são confirmados.

pixarbrasilblog

Site Brasileiro sobre a Pixar Animation Studios, seus personagens e produções. Criado em Abril de 2012 por Luis Saguar.

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *